Um galego no Império Pequeno

Além da linha inimiga

September 17th, 2007 at 11:00 am

II Festival da Mocidade em Vilar de Santos

Celebrará-se o dia 29 de Setembro sob a legenda o lema «Autodeterminaçom é o que nos une!!»

PGL.- O Centro Social Aguilhoar, em colaboraçom com a AGAL e outros colectivos do País, organiza o dia 29 de Setembro a segunda ediçom do Festival da Mocidade. Haverá actividades lúdicas e reinvidicativas durante todo o dia, almoço e ceia a preço popular e música pola noite.[+…]

Segundo informam da associaçom “sendo a defesa dos direitos históricos da Galiza um dos nossos eixos prioritários de trabalho, bem como a defesa do nosso meio ambiente, é a nossa intençom organizar um ambicioso festival lúdico-reivindicativo como espaço alternativo de reivindicaçom dos nossos direitos nacionais e defesa do nosso meio, conscienciando a sociedade em geral e a mocidade em particular“

O Festival terá lugar em Vilar de Santos e o programa, que ainda segue aberto à colaboraçom de qualquer colectivo que partilhe os objectivos do Festival, e no qual há zona de campismo de graça, vai desde um roteiro em bicicleta pola comarca, almoço ecológico, obradoiro de percussom (a carrego de Ton Risco), jogos populares, charangas, umha ceia popular e uns potentos concertos a carrego de Skárnio, os Guezos e os lisboetas Kumpania Algazarra.

Também esta agendada, às 20h00 no Salom de Actos da Casa do Concelho, umha conferência sobre o direito de autodeterminaçom onde diferentes ponentes nacionalistas e independentistas (Pilar Garcia Negro, Antom Santos, Carlos Taibo e Anton Dobao ) daram a sua vissom sobre o exercício da nossa livre determinaçom como naçom e suporá um bom forum para debaterem a fundo e ver as posturas representativas do movimento nacionalista galego.

PROGRAMA, Sábado, 29 de Setembro de 2007. Vilar de Santos.

  • 10h00 a 13h00: Roteiro em bicicleta pola comarca da Límia, acompanhados por um guia que explicará o impacto ambiental das poças e a disecaçom da Lagoa de Antela.
  • 11h00-13h00 e 15h00-18h00: Obradoiro de Percussom na praça do Concelho a carrego de Tom Risco.
  • 13h30: Almoço popular ecológico para os participantes no roteiro e no obradoiro de percussom, organizado por umha comissom do C.S Aguilhoar.
  • 16h00: Jogos para nenos durante toda a tarde e Feira de Colectivos e Centros Sociais.
  • 17h00-20h00: Animaçom lúdico-reivindicativa musical a carrego de umha charanga.
  • 20h00: Conferência sob a leganda “Autodeterminaçom é o que nos une”, a cargo de Antón Dobao, Pilar Garcia Negro, Carlos Taibo e Antom Santos. Apresentaçom a carrego de um representante de Aguilhoar que lerá o manifesto do Festival. O acto terá lugar no Salom de Actos.
  • 22h00: Ceia popular aberta a todos, organizada por umha comissom do C.S. Aguilhoar, que terá lugar debaixo da carpa (preço de 5 €).
  • 23h00: Concerto musical que terá lugar na area recreativa da Cachalgura. Actuaram os seguintes grupos:
      Guezos (Ourense)
      Skárnio (Vigo)
      Kumpania Algazarra (Lisboa)
  • -

    Comments are closed.